Aliança Empreendedora carregando
Blog
arquivo
Pense Grande Incubação, para jovens empreendedores, inicia suas atividades

Pense Grande Incubação, para jovens empreendedores, inicia suas atividades

Iniciativa da Fundação Telefônica Vivo com apoio da Aliança Empreendedora recebeu inscrições até dia 15 de março para formação de iniciativas de impacto social.

Ter ideias de novos produtos e propostas que ajudem em desafios e demandas sociais é um passo na direção do empreendedorismo. Para ajudar a tirar esses projetos do papel, iniciaram-se as atividades do projeto Pense Grande Incubação.

Desenvolvida dentro do programa Pense Grande, da Fundação Telefônica Vivo, a iniciativa visa a apoiar jovens empreendedores e incentivar que, a partir de formações práticas, possam aprimorar, implementar e até mesmo formalizar suas iniciativas de impacto social.

Além do objetivo direto de apoiar os empreendedores, a incubação, que conta com apoio da Aliança Empreendedora, tem o intuito de ressaltar o empreendedorismo jovem como potência de transformação social.

Podem participar da seleção pessoas físicas ou jurídicas acima de 18 anos, com renda familiar de até três salários mínimos por pessoa, que desenvolvem seus negócios há no máximo dois anos, vindas de todas as capitais brasileiras e suas respectivas regiões metropolitanas e todos os municípios do estado de São Paulo.  

A incubação
Depois do período de inscrições, são selecionados 140 projetos para, durante março e abril, participar de formações e consultorias online com especialistas do setor a fim de desenvolver e/ou refinar o modelo de negócio. As equipes deverão entregar os resultados dos desafios gerados nas consultorias para o Comitê de Seleção, que ao final do processo irá selecionar 40 microempreendedores para avançar para a próxima fase.

Essa terceira etapa de pré-incubação terá duração aproximada de dois meses, quando serão promovidas capacitações customizadas e online, assessorias para apoio no desenvolvimento de ações de empreendedorismo e um encontro regional para conexão com outros empreendedores e consequente aumento da rede de contatos. Tudo com o objetivo de fornecer ferramentas que facilitem os processos do dia a dia, tirar dúvidas e ser fonte de inspiração para os selecionados.

A quarta fase de seleção contempla a escolha de trinta empreendedores para participar da incubação durante sete meses, que inclui mentorias, imersões em São Paulo e apoio financeiro.

A Barkus Educacional foi um dos empreendimentos que participou da incubação em 2017. Beatriz Santos, Marden Rodrigues da Silva e Wallace Marques se conheceram no Ensino Médio durante um projeto de iniciação científica. Depois de encontros e desencontros, o trio decidiu criar a Barkus, negócio de impacto social que ajuda e incentiva jovens a alcançar seus sonhos a partir da educação financeira.

Beatriz explica que as formações oferecidas pelo Pense Grande ajudaram a estruturar o negócio em inúmeros aspectos, inclusive financeiramente. “Durante o Pense Grande, nós conseguimos entender ‘qual era a nossa’, o que já podíamos fazer, o que não podíamos e o que precisávamos desenvolver”.

Depois de um ano da imersão, a empreendedora avalia que o processo de incubação serviu para que todos da equipe pudessem amadurecer tanto suas ideias de negócio quanto pessoalmente. “Para mim, o mais legal do programa é o investimento no desenvolvimento do empreendedor. Nós conversávamos muito sobre como entramos no programa muito crus, sem muita noção do que estávamos fazendo, apesar de já ter um direcionamento. Nós saímos literalmente vestindo a camisa do empreendedor. Ter esses momentos de autoconhecimento, muito promovidos durante as imersões, ajudaram nesse salto de desenvolvimento que foi essencial”.

Além de gerir a Barkus Educacional, atualmente, Beatriz e Marden são embaixadores da Rede Pense Grande. Quando questionada sobre o motivo de participar da incubação, Beatriz ressalta os diferentes níveis de desenvolvimento que o programa promove. “Eu diria para a galera [que quer participar do Pense Grande] ir fundo. A sua ideia não precisa mudar o mundo, mas se você acredita que ela pode impactar positivamente a sua comunidade e as pessoas ao seu redor, fazer o bem e agregar na sociedade, independente do estágio e do momento de vida, vale muito a pena. É um desenvolvimento não só do negócio, mas pessoal também”.

A Barkus é tema de um dos episódios da série Pense Grande.doc, projeto da Fundação Telefônica Vivo e do Canal Futura que incentiva a produção audiovisual sobre empreendedorismo entre jovens. Confira aqui.

Seleção e inscrições
Entre os critérios que foram considerados na primeira fase do processo de seleção estão visão de futuro, persistência, busca por novos conhecimentos, autoconfiança, autoconhecimento, motivação e inovação. Já na segunda e terceira etapas, os projetos serão avaliados de acordo com o desenvolvimento de competências empreendedoras dos membros da equipe, participação nas capacitações, absorção e aplicação dos conhecimentos trabalhados durante os encontros, entre outros.

A avaliação das inscrições ficou a cargo de funcionários da Telefônica e da equipe da Aliança Empreendedora.

Comentários