Aliança Empreendedora carregando
Blog
Conheça as 10 empreendedoras incríveis finalistas do concurso Hora de Brilhar 2016

Conheça as 10 empreendedoras incríveis finalistas do concurso Hora de Brilhar 2016

O concurso Hora de Brilhar é a terceira fase do Ciclo Brilhante, resultado de uma parceria entre a marca Brilhante, Aliança Empreendedora e Escola de Você, que empodera, capacita e inspira mulheres a buscar seu sonho de abrir ou desenvolver o seu negócio

O Ciclo Brilhante já impactou mais de 150 mil mulheres, e tem como objetivo empoderar e incentivar mulheres a realizar sonhos por meio do empreendedorismo. A Aliança Empreendedora participa da segunda e da terceira fase, a segunda é composta pela Escola Brilhante, um curso de empreendedorismo on-line e gratuito que capacita mulheres que querem abrir ou que já têm um negócio, por meio de videoaulas de curta duração.

As alunas que participaram da Escola Brilhante puderam se inscrever na terceira fase do programa, o concurso Hora de Brilhar. Essa fase foi a chance das empreendedoras contarem suas histórias e concorrerem ao prêmio de 5 mil reais. Mais de 1400 mulheres se inscreveram e apenas 10 empreendedoras foram selecionadas, entre iniciantes e atuantes, para participar da etapa de capacitação do processo seletivo e ter a oportunidade de receber treinamentos ao vivo e on-line, e treinamentos presenciais em São Paulo com tudo pago.

Sobre o processo seletivo

Com os treinamentos on-line e ao-vivo, elas puderam se conectar, dividir experiências uma com as outras e ter acompanhamento de grandes especialistas da Aliança Empreendedora. Nas aulas, as empreendedoras conheceram melhor sobre diversos temas relacionados à gestão de negócio como: finanças, marketing, planejamento, entre outros.

Depois do período on-line, elas puderam se conhecer pessoalmente em São Paulo-SP, onde passaram por uma semana intensa de aprendizado, a qual visitaram a sede da Aliança Empreendedora, da Unilever e outros parceiros da iniciativa como Agência J. W. Thompson, Google e Facebook.

O Facebook apoia práticas que incentivem o empoderamento e empreendedorismo feminino, e por meio do projeto #ElaFazHistoria se prontificou a receber as Mulheres Brilhantes para dar uma aula de introdução à rede social, falando sobre cases, dicas de conteúdo e básico de anúncios.

Já na Thompson, elas receberam treinamento de como apresentar o seu negócio no dia da avaliação final, que seria no dia 30 de março. A primeira parte da avaliação final aconteceu no Google e a parte da tarde foi na sede da Unilever, onde as dez empreendedoras apresentaram seus negócios para uma banca de especialistas, e então foram selecionadas as duas empreendedoras destaque de cada categoria para receberem o prêmio e investirem no seu negócio ou ideia de negócio.

Conheça melhor as empreendedoras finalistas e seus negócios

Categoria Iniciante – essas empreendedoras possuem ideias de negócio desenvolvidas e estão trabalhando para tirar seus negócios do papel

iniciantes

Lilian Sampaio
Jogos digitais para dispositivos móveis

1

Lilian é programadora e pretende atender a demanda infantil do mercado digital, produzindo um conteúdo interativo e ao mesmo tempo educativo para este público. Seu principal diferencial será focar em conteúdos sem concepção de gênero e estereotipação do comércio de games.

Maria Cecília Cardoso
Execução e consultoria em paisagismo sustentável

2

A ideia de negócio de Maria pretende juntar paisagismo e sustentabilidade, levando para empresas e residências a beleza de um projeto inovador e a preocupação com o meio ambiente.

Paula Comparini
Consultoria em casamentos, conteúdo e comportamento para o público homoafetivo

3

Com formação de cerimonialista, Paula quer disponibilizar conteúdo sobre casamento para uniões homoafetivas. Ela considera um nicho pouco explorado no mercado e que merece atenção!

Vanessa Mafra
Consultoria de comunicação corporal e expressividade

4

Vanessa pretende auxiliar pessoas que desejam se expressar melhor, com um trabalho personalizado e inovador que se caracteriza por técnicas teatrais e dispõe de parceria com uma fonoaudióloga

Bruna Salatta – Vencedora da categoria
Telúrica – Bolsas Sustentáveis

5

A ideia surgiu quando a Bruna ainda tinha 15 anos, na época, ela começou a criar bolsas e mochilas com tecidos reutilizados de calças e camisas comprados em brechó, que ela mesmo desmontava e criava bolsas e roupas personalizadas.

Categoria Atuante

atuantes

Amanda Pinheiros
Atelier Amanda Pin
Cursos online, apostilas, DVDs e ferramentas para artesanato

6

Foi da paixão por artesanato que nasceu O Mundo Encantado de Pin, onde ela faz sonhos se tornarem reais, através de artesanatos fantásticos, os quais ela vende e ensina a fazer. Amanda vende cursos on-line para ensinar a arte do artesanato com EVA, empoderando mulheres a gerarem renda e fazer do trabalho com artesanato uma fonte de renda e auto-confiança.

Carla Vieira
Carla Vieira Fotografia

7

Para Carla, trabalhar por conta própria com o que gosta já é um sonho realizado. Seu negócio de fotografia tem projetos que atende desde o público fashion ao de família, e com isso ela transforma cada momento fotografado como uma única lembrança

Cinara Costa
Eco Beauty Car & Home

Empresa de lavagem a seco de automotivos e estofados.

Cinara

Cinara começou o seu negócio comprando o seu primeiro kit de limpeza como consumidora e fazendo teste no carro do seu tio, que na época foi o patrocinador da sua ideia. Com o bom resultado, a empreendedora passou a ter a vizinhança como sua primeira clientela, e aos poucos foi divulgando o serviço e conquistando seu espaço no mercado.

Vanessa Stavale
Chocoshow Eventos
Cascatas de chocolate

9

E não é que chocolate cura mesmo qualquer tristeza!? Foi assim que a Vanessa encontrou a sua felicidade, a empreendedora tem um negócio que aluga cascatas de chocolate e de quebra leva alegria por onde passa.

Ariane dos Santos – Vencedora da categoria
Badu Design

10

Com apenas R$ 30 reais, Ariane decidiu comprar material e fazer o que antes era apenas um hobby, cadernos e agendas estilizados. E foi aí que nasceu a Badu, negócio que também ajuda outras mulheres, com a formação de artesãs e grupos produtivos, que gera renda de modo simples, barata e sustentável.

Comentários