Aliança Empreendedora carregando
Blog
Dinheiro não é problema! Como transformá-lo em solução?

Dinheiro não é problema! Como transformá-lo em solução?

A coluna da Aliança Empreendedora no jornal paranaense Gazeta do Povo de junho fala sobre recursos, e como não desanimar com a falta deles, confira!

“O problema do Brasil é que somos um país muito rico.” Ouvi essa frase do diretor de uma indústria, e como na Aliança apoiamos empreendedores que têm tudo, menos dinheiro, fiquei pensando no quanto temos de desatar este nó para o país se desenvolver.

Sim, somos a 6ª maior economia, mas também um dos 12 países mais desiguais do mundo. Em um país como este, como você, empreendedor, pode alavancar recursos para iniciar ou ampliar seu negócio? Ou seja, como fazer com que dinheiro (na verdade a falta dele) não seja um problema, mas uma solução?

Primeiro é preciso refletir se você precisa realmente de dinheiro, ou se pode viabilizar seu projeto através de parcerias. Um exemplo? Vamos supor que você trabalhe com eventos. Em vez de comprar um salão, móveis e equipamentos, por que não articular parceiros que forneçam isto em troca de parte das receitas? Caso sonhe abrir um restaurante, em vez de nunca começar por não ter dinheiro ou assumir o custo de um aluguel, por que não começar com um delivery, fazendo encomendas ou fornecer refeições para empresas e eventos?

Todo empreendedor deve pensar em formas criativas de começar ou ampliar o seu negócio a partir do que já tem e de sua rede de contatos. Mas caso realmente precise de investimento financeiro, além de sócios ou familiares, existem uma série de fontes que podem ser acessadas, como as organizações de microcrédito, o Cartão BNDES ou o Programa Crescer, onde se pode obter empréstimos com juros de até 8% ao ano pela Caixa Econômica ou Banco do Brasil.

Além dessas, uma nova opção para o empreendedor alavancar recursos são os sites de “crowdfunding” como o www.impulso.org.br. Neles, empreendedores apresentam projetos e mobilizam suas redes para que pessoas invistam por meio da internet em troca de “recompensas criativas”.

Seja através de parcerias, crédito ou crowdfunding, o que o todo empreendedor deve fazer na hora de mobilizar recursos é saber apresentar bem o seu empreendimento, assim como o potencial que ele tem de crescer.

Rodrigo Brito é co-fundador e diretor da Aliança Empreendedora

Comentários