Aliança Empreendedora carregando
Blog
De hostel a rota de embarcações no rio Amazonas: Conheça as histórias vencedoras do Prêmio Citi Jovens Microempreendedores

De hostel a rota de embarcações no rio Amazonas: Conheça as histórias vencedoras do Prêmio Citi Jovens Microempreendedores

A premiação apoia o desenvolvimento de brasileiros de 18 a 35 anos que buscam transformar suas vidas e suas comunidades através do empreendedorismo

A Aliança Empreendedora, com patrocínio da Citi Foundation, realizou a cerimônia de premiação do Prêmio Citi Jovens Microempreendedores 2016 na última quinta-feira de abril de 2017. O Prêmio tem o objetivo de identificar, treinar e premiar jovens microempreendedores, facilitando o acesso a conhecimento e a serviços relacionados à gestão para jovens da base da pirâmide que querem começar seus negócios ou já estão empreendendo. Ao todo foram distribuídos R$42 mil em prêmios, com 20 vale-presentes no valor de mil reais entregues para todos os finalistas, e com os vencedores de cada categoria recebendo R$6.500,00 e R$4.500,00 em barras de ouro para os primeiros e segundos lugares respectivamente.

Na categoria microempreendedor atuante, o 1º lugar ficou com a Marcele Porto empreendedora com o “Beers Five Hostel House”, e o 2º lugar com o Taissir Wilkerson Linhares Carvalho do “Embarcar”. Já na categoria iniciante, a vencedora foi Lorene Barreto Passos com a “Passos Soluções” e no 2º lugar Giovanni Novelli Pereira com o “Cientista Beta”. Os quatro jovens vencedores participaram com outros 16 finalistas de um treinamento intensivo nos três dias que antecederam a premiação na cidade de São Paulo.

20170427_alianca_oph_1322

“Atingimos os cinco cantos do Brasil, isso é surpreendente para nós. Proporcionar esse encontro em São Paulo de 20 pessoas de diferentes lugares do país para conhecerem os projetos uns dos outros, fazerem networking, receberem conhecimento e direcionamento em seus negócios, é uma das partes mais valiosas do Prêmio. Todos os inscritos, mais de 300 jovens, tiveram acesso a uma série online de empreendedorismo. Poder levar conhecimento para mais pessoas foi muito importante, consideramos a missão cumprida”, conta a diretora de comunicação da Aliança Empreendedora, Luísa Bonin.

20170427_alianca_oph_1165

Todos os finalistas e também os vencedores participaram de um processo de capacitação, com mentoria, oficina de discurso de venda, conhecido no mundo dos negócios como pitch, e, por fim, se apresentaram a banca avaliadora do Prêmio que definiu quem seriam os vencedores dessa edição da competição.

20170427_alianca_oph_1281

A banca foi composta por Adriana Barbosa, empreendedora e fundadora da Feira Preta; Adriana Carvalho, representante da ONU Mulheres no Brasil; Bernardo Bonjean, fundador e presidente da Avante; Hamilton Henrique da Silva, empreendedor e fundador do Saladorama; Helen Faquinetti, gerente de relações com a comunidade e sustentabilidade do Citi Brasil; Marcelo Ramos, empreendedor, cervejeiro e fundador do Bistrô do Alemão (um dos vencedores do PCMM 2015); Marina Egg, diretora de desenvolvimento humano da Aliança Empreendedora; Matheus Silva Cardoso, empreendedor e fundador do Moradigna; Rachel Añon, jornalista e co-fundadora da Ponte a Ponte; e Tatiana Rogovschi Garcia, coordenadora de projetos da Aliança Empreendedora.

“Com o Prêmio Citi Jovens Microempreendedores reforçamos o compromisso da Citi Foundation em motivar e dar oportunidade para que o microempreendedorismo jovem continue ativo no desenvolvimento da economia do Brasil”, afirma a superintendente de assuntos corporativos e sustentabilidade do Citi Brasil, Priscilla Cortezze.

Marcele Porto – Beers Five Hostel House

MARCELE

Com início em dezembro de 2013, o “Beers Five HostelHouse” abriu as portas pela ideia de Marcele e apoio financeiro de mais alguns amigos, impulsionados pela Copa do Mundo sediada no Rio de Janeiro e a vontade de oferecer um serviço de estadia barata diferenciado dos demais, neste caso com tema ligado ao mundo das cervejas gourmet. Após o grande evento, com a baixa temporada e três meses de casa totalmente vazia, a empreendedora precisou reavaliar se mantinha ou não o negócio aberto. Marcele então buscou por novas parcerias e oportunidades, seguiu com o sonho do Hostel e um dia antes de seu aniversário de 35 anos foi a 1ª colocada do Prêmio Citi Jovens Microempreendedores na categoria atuante. “A emoção é bem grande, passamos por muitos altos e baixos nesses quase quatro anos e receber esse prêmio é concretizar mais uma etapa e ganhar folego para seguir para os projetos que estão por vir. Queremos poder oferecer com mais qualidade uma rota cervejeira local aos hóspedes que são focados na família e no casal jovem e finalmente lançar a Beer Five, nossa própria cerveja”, conta Marcele Porto.

Taissir Wilkerson Linhares Carvalho – Embarcar

TAISSIR

Morador de uma comunidade ribeirinha de Santarém, no Pará, Taissir usava o transporte hidroviário para chegar à cidade. Se mudou para a região central para estudar, mas continuou utilizando os barcos para visitar sua família. Com veia empreendedora desde a infância e com a descoberta do autodidatismo, o criador do aplicativo “Embarcar” desenvolveu o negócio que informa por meio de uma plataforma online local de partida, destino final, datas e horários de saídas das embarcações em 2013. Agora, com o prêmio de segundo colocado na categoria atuante, pretende aprimorar a plataforma para a venda de passagens. “O uso de barcos na Amazônia como transporte é grande. Além disso, tenho a ideia de oferecer pacotes de hospedagem, transfer e atividades em comunidades das margens dos rios amazônicos”, explica o jovem empreendedor.

Lorene Barreto Passos – Passos Soluções

ANDRESSA

Aos 7 anos de idade Lorene resolveu que seria escritora, escreveu sete livros de diferentes estilos literários já querendo colocar sua voz no mundo. Em 2011 com um tapete e força de vontade saiu nas ruas de Goiânia com livros variados e propôs um sistema de crédito literário para troca e venda de obras literárias. Com o sucesso do tapete literário, a empreendedora resolveu criar o Incentivo à Leitura nos Estados Brasileiros (ILEB) e percorreu o país com ações de promoção a leitura. “Um livro salvou minha vida, por isso eu acredito que o poder do conhecimento pode transformar qualquer coisa, algo que vem do hábito de leitura e escrita. Agora tenho o objetivo de criar uma plataforma que alcance todo o Brasil. Vamos abrir um concurso para selecionar 45 mil estudantes que poderão acessar a um curso gratuito de escrita empreendedora. E o Prêmio vai ajudar a tirar essa ideia do papel”, afirma a 1ª colocada da categoria iniciante.

Giovanni Novelli Pereira – Cientista Beta

GIOVANNI

Nascido em 2015, o projeto surgiu da ideia inicial de Kawoana Vianna que juntou outros jovens, inclusive Giovani, para fazer a ideia acontecer. A iniciativa é da área de educação e visa mudar o relacionamento do jovem com a ciência: durante um processo de 8 meses o jovem selecionado desenvolve sua ideia junto com a equipe do Cientista Beta por meio de um processo de mentoria liderado por outros jovens cientistas que já vivenciaram a pesquisa e a iniciação científica. “Viemos até o prêmio com a intenção de conhecer mais pessoas que possam se unir ao negócio e nos ajudar a alavancar as proposta de impacto do Cientista Beta, além do jovem como cliente final, queremos chegar as escolas, empresas e ONGs, e continuar sendo nossa versão Beta no mundo científico”, diz o coordenador do programa Decola Beta e2º lugar da categoria iniciante.

Categoria Organizações Sociais

Além dos quatro vencedores, o Prêmio buscou reconhecer também organizações sociais que apoiam microempreendedores no Brasil, com a categoria de “Organização Social Mais Transformadora”. A AfroBusiness Brasil foi a campeã e recebeu um diploma de reconhecimento e duas bolsas de estudo no valor de R$1.100,00 que podem ser utilizadas por dois membros da instituição em cursos com a INK, referência na área de gestão de projetos.

20170427_alianca_oph_0972

A AfroBusiness é uma instituição sem fins lucrativos que tem como objetivo criar mecanismos que promovam a integração entre empreendedores, intraempreendedores e profissionais liberais, fortalecendo o processo de inclusão social e econômica da população negra. “Fazemos capacitação gratuita, eventos de networking para potencializar o negócio dessas pessoas e também temos a parte de inspiração, para que empreendedores mais experientes venham dar seus depoimentos e contar a trajetória de seus negócios, trazendo estímulo para quem está no início. Desejamos que o Prêmio atraia apoiadores para conseguirmos mais impacto na expansão de empreendedores negros que capacitamos e apoiamos”, diz uma das fundadoras da AfroBusiness Brasil, Fernanda Ribeiro.

SOBRE A CITI FOUNDATION

A Citi Foundation trabalha para promover o progresso econômico em comunidades ao redor do mundo, com foco em iniciativas que ampliem a inclusão financeira. Dessa forma, colaboramos com parceiros altamente qualificados para criar melhorias econômicas que fortaleçam famílias e comunidades de baixa renda. Por meio da abordagem “Mais que Filantropia”, os recursos de negócios e capital humano do Citi elevam nossos investimentos e impacto filantrópicos. Para mais informações, visite WWW.CITIFOUNDATION.COM ou citibank.com.br/institucional/sustentabilidade.

SOBRE O CITI

O Citi, banco global líder, tem aproximadamente 200 milhões de contas de clientes em mais de 160 países e jurisdições. O Citi disponibiliza para pessoas, corporações, governos e instituições uma ampla variedade de produtos e serviços financeiros, incluindo serviços bancários e de crédito ao consumidor, serviços bancários corporativos e de investimento, corretagem de valores e administração patrimonial. Para mais informações sobre o Citi, favor acessar: WWW.CITIBANK.COM.BR
Twitter: @CITIBRASIL
YouTube: WWW.YOUTUBE.COM/CITIBRASIL
Blog: HTTP://CITIBRASIL.WORDPRESS.COM/
Facebook: WWW.FACEBOOK.COM/CITIBRASIL

Comentários