Usar a tecnologia a favor de pequenos negócios é abrir um leque de opções para inovar empreendimentos, seja por meio de novos serviços, ferramentas, aplicativos e até mesmo cursos de capacitações.

Neste artigo, nós apresentamos algumas opções tecnológicas disponíveis que você pode aderir em seu negócio, para o expandir ainda mais, melhorar seus produtos e serviços, além de se qualificar como profissional.

Vem com a gente! 

#1 Adote estratégias de Marketing Digital

O universo online permite que você utilize diversos meios de divulgar seu pequeno negócio. Usar das boas práticas de Marketing Digital ajuda o seu alcance a ser cada vez maior, logo, suas vendas também. Algumas dessas práticas são:

Crie perfis em redes sociais para seu negócio

É importante criar perfis profissionais, em que seu cliente converse com o seu negócio e acompanhe as novidades de seus produtos/serviços, além de poder tirar dúvidas. Veja em nosso blog como criar uma conta comercial no Instagram e como criar uma fanpage profissional no Facebook.

Use estratégias de SEO

Essa é uma dica valiosa para quem tem um site para seu negócio. Estratégias de SEO são boas práticas de escrita que fazem com que seu produto/serviço seja bem lido por mecanismos de buscas como o Google, alcançando a primeira página, atraindo mais clientes para seu site. Existem diversos cursos gratuitos de SEO em que você aprende o básico para criar conteúdo no site do seu negócio.  

Construa uma identidade para seu negócio

Desde as cores do negócio, até a forma em que você vai se comunicar com seus clientes, tudo faz parte da identidade da sua marca. É muito importante criar uma identidade, pois ela facilita a criação de conteúdos e peças de divulgação do negócio, e também gera identificação com o público-alvo (quando bem construída!).

#2 Aceite os pagamentos digitais

Os pagamentos digitais são um grande exemplo da tecnologia a favor de pequenos negócios, tal como o PIX  que é hoje uma das maneiras mais práticas e rápidas de pagar e receber dinheiro.

Além disso, o PIX funciona 24 horas por dia, inclusive nos finais de semana! Diante de tantos benefícios, fica a indicação para cadastrar uma chave para seu negócio.

#3 Inclua seu empreendimento no Google Meu Negócio

O Google Meu Negócio é uma ferramenta gratuita e fácil de usar. Nela, você irá colocar informações do seu negócio, como site, endereço (se houver), canais de atendimento, fotos, cardápio, horário de funcionamento, entre outras infos. Realizando o cadastro, quando alguém procurar pela sua empresa no Google e no Google Maps, irá aparecer um quadro na tela com essas informações.

Assim fica mais fácil de ser achado na internet, passando mais confiança para o público. Além disso, a ferramenta proporciona a opção dos clientes fazerem avaliações do local e você pode responde-las e obter feedbacks valiosos para o seu negócio.

#4 Venda em Marketplaces

Uma das principais dificuldades de quem quer passar um negócio presencial para o online é a falta de um site de vendas, também conhecido como e-commerce. Esse problema hoje é fácil de resolver com os Marketplaces, que são uma espécie de shopping online, como o Mercado Livre, Magalu, Shopee etc.

Existem Marketplaces específicos por segmento, e também plataformas que reúnem diferentes setores. Cada um tem suas políticas, taxas, operações de pagamento e transporte. Além de te dar mais visibilidade, os Marketplaces ajudam aqueles que não têm como ter um site e sistema de vendas online. Veja como funciona os Marketplaces para MEI clicando aqui.

#5 Faça um atendimento pós-venda eficaz

Independentemente de seu cliente ter comprado com você online ou presencialmente, a tecnologia permite que você faça um atendimento pós-venda muito eficaz, seja pelo WhatsApp, enviando um simples “Olá, tudo bem? Gostaria de saber se o produto atendeu as suas expectativas!” ou por meio de pesquisas de satisfação enviadas por e-mail.

A prática do pós-venda é fundamental para você recolher feedbacks. Se eles forem bons, ótimo, comemore! Se não forem tão bons, não desanime. Veja como uma crítica construtiva do que pode ser melhorado em seu produto ou serviço.

#6 Mantenha contato com o público

Quando falamos em tecnologia a favor de pequenos negócios, não podemos deixar de citar a facilidade que ela trouxe para pequenos empreendedores falarem com seu público, seja ele de sua cidade ou não. 

Esse contato é importante porque te ajuda a encontrar falhas e acertos em seu produto ou serviço, além de oportunidades de negócio! Por exemplo, se você vende marmitas nas redes sociais do seu negócio, você pode abrir uma caixinha de perguntas pedindo para seus clientes falarem o que gostariam de almoçar no domingo. As respostas podem ser usadas como base para montar seu cardápio do final de semana! 

#7 Gerencie as finanças do negócio com mais praticidade

Lidar com a gestão financeira de um pequeno negócio é uma tarefa difícil, e nós sabemos que a maioria dos pequenos empreendedores fazem isso por conta própria, sem a ajuda de um especialista em contabilidade. 

A boa notícia é que, com tecnologia a favor de pequenos negócios, isso se tornou mais fácil de fazer, pois você pode usar planilhas e aplicativos que te ajudam a manter todo controle financeiro do seu negócio.

Você já imaginou ter planilhas prontas de registros financeiros pessoais, de vendas, despesas, contas a receber, contas a pagar e de registro de estoque, além de alguém te ensinado como preenchê-las? Pois saiba que isso é possível por meio do nosso curso GRATUITO e ONLINE de Educação Financeira. Para ter todas essas planilhas e aprender a preenchê-las, basta clicar no botão abaixo e começar as aulas: 

Curso: Educação Financeira para Empreendedoras

Agora que você já conhece diversos novos recursos tecnológicos para usar a favor do seu negócio, filtre quais fazem mais sentido para seu empreendimento e os aplique para colher bons frutos 😉