Aliança Empreendedora carregando
Blog
Rede social que impulsiona trabalho voluntário chega a Curitiba

Rede social que impulsiona trabalho voluntário chega a Curitiba

Com lançamento em 21 e 22 de junho, o Atados reúne informações sobre instituições da capital paranaense e facilita a busca por oportunidades de ações sociais

O Atados – rede social para impulsionar o trabalho voluntário – está chegando a Curitiba. Fundada em São Paulo, a rede nasceu da ideia de quatro jovens universitários que perceberam a dificuldade de encontrar informações sobre trabalhos voluntários adequados aos seus perfis. Os universitários decidiram criar uma rede social para realizar a ponte entre as pessoas que querem prestar serviços voluntários e as instituições que precisam de apoio. Atualmente, o site conta com aproximadamente 200 ONGs cadastradas e uma plataforma dinâmica e moderna, que promete ganhar espaço entre o público jovem.

De acordo com uma pesquisa do IBOPE Inteligência, apenas 18% da população brasileira já realizou algum trabalho voluntário – número bem abaixo da média mundial, de 36%. A dificuldade para encontrar trabalhos voluntários, somada ao número de pessoas despreocupadas com as causas sociais, fez com que André Cervi, Bruno Tataren, Daniel Morais e Luis Madaleno, graduandos em Administração de Empresas na FEA-USP, se unissem a fim de criar um espaço online para ajudar a ampliar o número de voluntários na cidade de São Paulo. Brian Baldrati, graduando em Psicologia da Universidade Positivo e amigo de infância de um dos fundadores de São Paulo, é o responsável pela atuação do Atados em Curitiba.

“Muita gente quer realizar trabalho voluntário, mas não sabe por onde começar. O Atados surgiu com a ideia de centralizar as oportunidades e facilitar o acesso dos interessados às informações”, conta Daniel Morais. Por meio da plataforma do site, é possível filtrar as oportunidades de voluntariado das instituições parceiras por assuntos de interesse (educação, meio ambiente, saúde e cultura, por exemplo) e por público atendido (crianças, jovens, idosos, entre outros) e por localização. A navegação simples e a integração com outras redes sociais proposta pelo Atados promete chamar atenção dos jovens e ampliar o número de colaboradores com as causas sociais.

O Atados não cobra nada para se filiar ao site. A ideia da rede social é somente aproximar as pessoas que tem interesse em se voluntariar das organizações, que são carentes de voluntários comprometidos.  A iniciativa está dando certo! Atualmente, o Atados conta com aproximadamente 250 vagas de voluntariado e 200 ONGs inscritas na plataforma. A expectativa é que esses números sejam triplicados até o final de 2013.

Lançamento Curitiba

Em Curitiba, o Atados começa funcionando com 30 instituições cadastradas e com cerca de 60 vagas de voluntariado disponíveis. “A ideia é aumentarmos bastante esse número até o fim do ano e mantermos um contato bem próximo com todas as instituições cadastradas na plataforma”, diz Brian Baldrati. No evento de lançamento do Atados na capital paranaense, o site resolveu brincar com o estereótipo do curitibano que não fala com estranhos. No Galpão Thá Cultural, o Atados vai realizar o evento “Dia de Falar Com Estranhos”.

Pessoas interessadas em realizar trabalho voluntário e representantes de algumas das ONGs cadastradas no site vão participar de atividades ao longo da sexta-feira e do sábado. “A ideia vai ser mostrar que dois estranhos na verdade têm muita coisa em comum. As atividades vão sempre no sentido de fazer pessoas que nunca se viram antes se conhecerem melhor. Teremos também um trajeto para que os participantes conheçam o trabalho de quatro ONGs da cidade e tenham experiências práticas com cada uma dessas instituições.”

SERVIÇO:

EVENTO: Lançamento Atados Curitiba

LOCAL: Galpão Thá Cultural

ENDEREÇO: Rua Presidente Faria, 181, Centro (ou Rua Riachuelo, 10).

DATA: 21 e 22 de junho

CONTATO: Brian Baldrati, 41 9685.9949

Comentários