Aliança Empreendedora carregando
Projeto Tecendo Sonhos inicia parceria com Instituto C&A e BrazilFoundation para ações de 2017

Projeto Tecendo Sonhos inicia parceria com Instituto C&A e BrazilFoundation para ações de 2017

As organizações entram como parceiras estratégicas e patrocinadoras do projeto. Esse já é o segundo ano de apoio da BrazilFoundation ao Tecendo Sonhos.

O mês de outubro deste ano marcou o início da parceria do projeto Tecendo Sonhos com duas organizações estratégicas dentro setor: o Instituto C&A e a BrazilFoundation. Ambas as organizações passam agora a ser parcerias do projeto para o ano de 2017 até o mês de junho.

O Tecendo Sonhos é uma iniciativa da Aliança Empreendedora desenvolvida desde 2014 e tem o objetivo de por meio do empreendedorismo promover relações dignas de trabalho na base da cadeia de moda em São Paulo-SP com imigrante latinos, em sua maioria bolivianos, que trabalham em condições precárias em oficinas de costura.

A parceria com o Instituto C&A surgiu por conta da representatividade da organização dentro do setor varejista, com histórico no apoio a projetos e ações de prevenção ao trabalho análogo à escravidão na base da cadeia da moda. Com o Tecendo Sonhos o Instituto reforça seu propósito de promover uma indústria da moda mais justa e sustentável, entrando agora como parceiro e patrocinador do projeto até junho de 2017. Giuliana Ortega, Diretora executiva do Instituto C&A, explicou um pouco sobre essa parceria. “ Estamos felizes por participar do projeto Tecendo Sonhos. Acreditamos que capacitar os trabalhadores da indústria da moda e empoderá-los é fundamental para que possamos promover melhores condições de trabalho em toda o setor.”

Com a BrazilFoundation esse passa a ser o segundo ano em que a parceria com o projeto é realizada. Dessa forma, a organização passa a apoiar e patrocinar as ações do projeto por mais um ano, via programa Bolsa de Valores Socioambientais (“BVSA”), iniciativa que visa conectar organizações da sociedade civil que desenvolvem projetos socioambientais com investidores que, ao adquirir as “ações socioambientais”, passam a apoiar a implementação, manutenção ou ampliação desses projetos. “A BrazilFoundation foi um dos primeiros investidores na continuidade deste importante projeto de geração de alternativas de vida digna para a população imigrante no Brasil. Poder renovar esta parceria, em um momento global de profunda reflexão sobre a condição de vida de refugiados e imigrantes ilegais, significa muito para a BrazilFoundation e para a parceria com o Instituto BM&FBOVESPA”, explica Monica de Roure, responsável pelas Relações Institucionais da BrazilFoundation..

Por conta do histórico dessa parceria a Aliança Empreendedora foi uma das organizações sociais convidadas a participar do Jantar de Gala da BrazilFoundation em São Paulo capital, no dia 22 de novembro. Além de São Paulo, o Jantar acontece também em Miami e Nova York nos Estados Unidos. O evento é um importante espaço em que a BrazilFoundation apresenta suas ações e mobiliza empresas, organizações, e personalidades, para patrocinarem e apoiarem causas sociais no Brasil. “Foi muito importante estar presente nesse espaço representando o Tecendo Sonhos, pois além de conhecer o trabalho semelhante que outras organizações sociais realizam, conseguimos também ter acesso a uma rede de contatos bem articulada que pode trazer ainda mais crescimento e apoio para a execução do projeto”, explicou Cristina Filizzola, coordenadora do Tecendo Sonhos na Aliança Empreendedora e que participou do Jantar.

Tecendo Sonhos: próximos passos 2017

Para executar suas ações o Tecendo Sonhos conta com uma rede de parcerias estratégicas do setor, além de organizações aliadas que já atuam junto ao público alvo, que são os imigrantes latino americanos. E tudo isso realizado por meio de quatro frentes: capacitação empreendedora, advocacy, disseminação do tema, e a solução tecnológica apoiada pelo projeto, a startup ALINHA.

Para 2017 o objetivo é desenvolver e consolidar temas importantes dentro da metodologia de apoio às oficinas de costura, com as capacitações de gestão e comportamento empreendedor direcionadas a temas específicos da área como produtividade, precificação e formalização. Até junho do próximo ano as organizações aliadas do projeto – PAL – Presença na América Latina; CAMI (Centro de Apoio ao Migrante); e Coletivo Si Yo Puedo! – vão capacitar 40 imigrantes donos de oficinas de costura, e mais 10 imigrantes que querem iniciar seu negócio. Após as capacitações os microempreendedores que tiverem interesse ainda podem participar do programa de mentoria da Aliança, que no projeto Tecendo Sonhos será realizado em parceria com o programa de voluntariado da C&A.

Já as ações do advocacy se mantém ativas em 2017 com o Conselho Consultivo do projeto, e a participação em redes de organizações da cadeia têxtil em São Paulo e também, em redes relacionadas ao combate do trabalho análogo a escravidão. A ideia é que a partir dessa participação em rede e troca entre as organizações, sejam desenvolvidas também políticas públicas dentro do setor, além da disseminação da causa.

Com a solução tecnológica Alinha a parceria se mantém, com algumas das oficinas de costura apoiadas no projeto sendo aceleradas pela Alinha, que agora passa a ser contratada para atender 10 oficinas de costura que participarem das capacitações do Tecendo Sonhos. O acompanhamento com a Alinha se dá por meio de visitas técnicas para melhoria da segurança e do ambiente de trabalho das oficinas, formalização, entre outros pontos, e que ao desenvolverem tais melhorias, passam a ficar visíveis no site da Alinha como oficinas de costura habilitadas dentro da legislação para atender confecções que procuram oficinas regularizadas.

Cristina Filizzola, diretora do escritório de São Paulo e coordenadora do projeto na Aliança Empreendedora, fala sobre a expectativa do projeto no próximo ano, com as ações realizadas até então sendo consolidadas. “Depois de três anos estamos colhendo os primeiros frutos do projeto, a partir da capacitação das organizações aliadas, mentoria voluntária e do impulsionamento disponibilizado pela Alinha. É muito gratificante ver que as oficinas já estão se enquadrando dentro da cadeia de forma mais segura, e justa no que se refere a condições de trabalho e preço de mercado. Agora entramos em uma fase de construção de novos conteúdos, revisão de metodologia, e criação de identidade do projeto, ações possíveis graças as experiências obtidas no decorrer desses três anos de Tecendo Sonhos”, explica Cristina.

Sobre o Instituto C&A

O Instituto C&A acredita que a indústria da moda pode ser uma força para o bem. Por isso, apoiam inciativas que buscam garantir que os seus mais de 1,5 milhão de trabalhadores no Brasil possam prosperar.

Sabem que o setor tem o potencial de ser muito melhor do que é hoje. A pressão constante pela redução de prazos e custos na cadeia produtiva da indústria da moda pode impactar os seus trabalhadores. Muitos agricultores em campos de algodão manuseiam defensivos agrícolas prejudiciais à sua saúde e ao meio ambiente. E ainda é possível encontrar trabalhadores em oficinas de costura fazendo horas extras em excesso ou, até mesmo, em situação de trabalho forçado. Isso tem de mudar. E acreditam que pode mudar

Sua missão é transformar a indústria da moda, garantindo que todos os seus trabalhadores possam ter uma vida digna.

Sobre a BrazilFoundation

A BrazilFoundation mobiliza recursos para ideias e ações que transformam o Brasil. Em 15 anos, a Fundação já arrecadou mais de US$ 35 milhões que foram investidos em iniciativas sociais nas áreas de Educação, Saúde, Cultura, Desenvolvimento Socioeconômico e Direitos Humanos. Os recursos levantados permitiram à BrazilFoundation identificar, financiar e monitorar mais de 440 projetos sociais em 26 estados brasileiros, beneficiando diretamente milhares de pessoas. Saiba mais no site www.brazilfoundation.org.

Para conhecer mais sobre as ações já realizadas pelo Tecendo Sonhos, acesse:

Organizações Aliadas do Tecendo Sonhos se reúnem com Conselho Consultivo para construção de estratégias do próximo ano

Empreendedores imigrantes participam de evento do Tecendo Sonhos no Museu da Imigração de São Paulo

Tecendo Sonhos inicia primeiras capacitações de 2016 com empreendedores imigrantes em São Paulo-SP

Comentários