Aliança Empreendedora carregando
Blog
Microempreendedores e artistas da Bomba do Hemetério no Recife ganham canal de financiamento colaborativo no site Impulso

Microempreendedores e artistas da Bomba do Hemetério no Recife ganham canal de financiamento colaborativo no site Impulso

Marcos, Antonio, Cleones, Silvia e sua mãe, empreendedores que estão captando para seus negócios através do financiamento colaborativo no Canal Bombando Cidadania no Impulso

Marcos, Antonio, Cleones, Silvia e sua mãe, empreendedores que estão captando para seus negócios através do financiamento colaborativo no Canal Bombando Cidadania no Impulso

Foi lançado na última segunda-feira dia 03 de junho o Canal Bombando Cidadania no Impulso – site de financiamento colaborativo para microempreendedores brasileiros, que é uma iniciativa da Aliança Empreendedora.  O canal é fruto de uma parceria entre o Impulso e o Instituto Walmart através do Programa Bombando Cidadania, que atua no bairro da Bomba do Hemetério no Recife-PE desde 2008.  O canal tem o objetivo de incentivar o desenvolvimento local e empoderar  microempreendedores e artistas da Bomba do Hemetério para que eles busquem investimento para seus negócios e projetos. Para incentivá-los, o Intituto Walmart irá colocar 30% do recurso em todos os projetos do canal que captarem 70% do valor solicitado no prazo de 60 dias.

O bairro da Bomba do Hemetério tem mais de 12.500 habitantes, a renda média per capita é de R$ 300,00 e 66% dos alunos tem alguma defasagem escolar. Esse cenário faz com que a região tenha uma série de desafios sociais, como a necessidade de melhoria na educação, saúde, meio ambiente e segurança.  Apesar das dificuldades, a cultura pernambucana é muito forte na Bomba, que hoje é, inclusive, roteiro turístico da cidade do Recife-PE. Além da cultura, é perceptível para quem visita a Bomba, a cultura das pessoas de se ajudarem e se mobilizarem em busca das mudanças que a comunidade precisa.

Para poder captar através do canal, os microempreendedores enviaram seus projetos e objetivos, e receberam o auxílio da equipe Impulso para que entendessem suas necessidades, quais seriam os investimentos que causariam maior impacto direto em seu dia-a-dia, além de terem contato com os conceitos do financiamento colaborativo e serem incentivados a pensar estratégias de suas campanhas de captação.

Para Adriana Franco do Instituto Walmart, um dos maiores objetivos do canal é fazer com que os microempreendedores bem sucedidos gerem conhecimento de como vender seu negócio e mobilizar investimentos, e com isso, acabem gerando um conhecimento a ser compartilhado pela comunidade.

O modelo de financiamento colaborativo do Impulso é o tradicional “tudo ou nada”, cada projeto possui 60 dias para captar o recurso necessário para realizar o projeto e se não atingir a meta, o dinheiro é devolvido para quem colaborou. Para cada investimento, o autor do projeto propõe um recompensa criativa aos seus “impulsionadores”, que é como são chamados os apoiadores de projetos no Impulso.

Já é possível conhecer as histórias e investir em 4 projetos no Canal Bombando Cidadania:

Reforma da Cia da Beleza – Silvia Moura trabalha com beleza há 22 anos e no início desse ano abriu seu próprio salão na Bomba do Hemetério. Agora, ela precisa de investimento para melhorar sua estrutura. Confira o projeto em: http://www.impulso.org.br/pt/projects/17-reforma-da-cia-da-beleza

Mangabeira Rações: capital de giro para crescer – Marcos Silva tem o único “Pet Shop” da região da Bomba do Hemetério e precisa de capital de giro para oferecer melhores produtos aos clientes. Confira o projeto em: http://www.impulso.org.br/pt/projects/16-mangabeira-racoes-capital-de-giro-para-crescer

Minha empresa de “Rodie” – Cleones José é apresentador do programa “Vozes da América” na rádio comunitária “Seu Bomba”, e também presta serviços como “roadie”, que é aquela pessoa que carrega equipamentos e executa a função de montagem dos aparelhos de som para que um show aconteça. Cleones precisa de investimento para abrir a própria empresa e com isso oferecer seus serviços para mais shows e empregar mais pessoas na função. Confira o projeto em: http://www.impulso.org.br/pt/projects/15-minha-empresa-de-roadie

Chocolates que geram renda – Antonio Francisco é presidente da CRIARTE (Associação de Artesanato e Trabalho Manual) da Bomba do Hemetério e depois de um curso do SENAC começou a fazer e vender chocolates para gerar renda. Antonio precisa de uma balança eletrônica para diminuir o desperdício, aumentar a produção, e oferecer o trabalho com chocolates para mais pessoas da CRIARTE. Confira o projeto em: http://www.impulso.org.br/pt/projects/18-chocolates-que-geram-renda

Comentários