Aliança Empreendedora carregando
Blog
Experiências de benchmarking entre organizações de catadores de materiais recicláveis

Experiências de benchmarking entre organizações de catadores de materiais recicláveis

Visita da Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Barão de Cocais - ASERBAC à Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Divinópolis – ASCADI, situado na cidade de Divinópolis, estado de Minas Gerais

Visita da Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Barão de Cocais - ASERBAC à Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Divinópolis – ASCADI, situado na cidade de Divinópolis, estado de Minas Gerais

As organizações aliadas parceiras do Projeto Reciclagem Inclusiva, parceria entre a GIZ, a Gerdau e a Aliança Empreendedora para o apoio de 9 organizações de catadores em 6 estados brasileiros vêm incentivando ações de intercâmbio de experiências entre as organizações. Em dezembro passado,  foram realizadas duas ações de benchmarking, confira a experiência das organizações:

 Benchmarking entre ASERBAC e ASCADI

No dia 16 de dezembro de 2011, ocorreu a visita da Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Barão de Cocais – ASERBAC à Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Divinópolis – ASCADI, situado na cidade de Divinópolis, estado de Minas Gerais.

A visita teve o objetivo de criar um vínculo entre as organizações e proporcionar o intercâmbio de informações e a troca de experiências para a melhoria das organizações e do desenvolvimento do trabalho.

Os associados da ASCADI estavam entusiasmados com a oportunidade de serem anfitriões de outro grupo e de poder relatar suas experiências, conflitos e dificuldades. Já o grupo da ASERBAC estava ansioso com a possibilidade de conhecer um grupo maior e mais organizado, também participante do Projeto Reciclagem Inclusiva.

Durante o encontro, os grupos conversaram sobre diversos assuntos, tais como o formato de produção e rateio adotado em cada associação, preços dos materiais, parcerias e conflitos internos, bem como sobre as relações estabelecidas com a Gerdau e as Secretarias de Meio Ambiente de cada cidade. Ambos relataram a experiência de participar do Projeto e como ele tem contribuído para o desenvolvimento das associações.

A visita, além de contribuir para a partilha de experiências, dificuldades e conquistas do trabalho com materiais recicláveis, foi importante para que ambas as associações reconhecessem suas potencialidades e pontos a serem melhorados.

Cabe parabenizar à Associação Preparatória de Cidadãos do Amanhã – APRECIA, organização aliada do projeto, pela iniciativa.

Benchmanking entre ARCA e CETRISA

No dia 21 de dezembro de 2011, aproximadamente 30 sócios da Associação de Catadores e Recicladores de Esteio – RS – ARCA, visitaram a Central de Triagem de Resíduos de Sapiranga – RS – CETRISA, cooperativa de catadores que é modelo no Estado do Rio Grande do Sul.

O principal objetivo da visita foi a troca de experiências entre os grupos, visto que os municípios de Sapiranga (75 mil habitantes) e Esteio (78 mil habitantes) apesar de apresentarem praticamente a mesma população tratam a questão da coleta e triagem de materiais reciclados de maneiras distintas: Esteio possui coleta seletiva, já Sapiranga não. Além disso, a visita teve como objetivo sensibilizar os catadores e recicladores da ARCA para a necessidade de melhorias de seu processo produtivo.

Gostaríamos de parabenizar o Centro de Assessoria Multiprofissional – CAMP, Organização Aliada do Projeto Reciclagem Inclusiva localizada no Rio Grande do Sul que não mediu esforços para que esse intercâmbio acontecesse.

Comentários