Aliança Empreendedora carregando
Blog
Aliança Empreendedora e Programa ReDes juntos na criação projetos de geração de trabalho e renda em Rio Branco do Sul e Itaperuçu

Aliança Empreendedora e Programa ReDes juntos na criação projetos de geração de trabalho e renda em Rio Branco do Sul e Itaperuçu

 

Reunião Conselho Comunitário de Rio Branco do Sul

O Programa ReDes, iniciativa do Instituto Votorantim e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES (www.programaredes.org.br) tem como objetivos implementar projetos de geração de trabalho e renda, por meio do fomento de cadeias produtivas e qualificação profissional em 25 municípios agrupados em 10 territórios diferentes.

Aqui no Paraná o projeto é articulado entre Instituto Votorantim, BNDES, Votorantim Cimentos e a Aliança Empreendedora. Após 12 meses de realização do projeto – com uma fase de diagnóstico socioeconômico e criação dos conselhos comunitários – iniciou-se em novembro passado a 2ª fase do Programa.

A segunda fase tem os seguintes objetivos:

1. Fortalecimento dos conselhos comunitários criados nos municípios de Rio Branco do Sul – PR e Itaperuçu – PR;

2. Identificação de organizações locais possíveis de serem proponentes de projetos;

3) Elaboração de projetos de geração de trabalho e renda nas linhas de abastecimento alimentar e comércio e serviços.

Até o momento foram identificadas cerca de 30 organizações nos dois municípios, que iniciam neste mês a etapa de elaboração dos projetos, com metodologia própria da Aliança Empreendedora. Essa fase se finaliza em 15 de junho de 2012 quando os projetos seguem para aprovação do BNDES e Instituto Votorantim.

O modelo de atuação proposto nesta parceria baseia-se no alinhamento com políticas públicas e na articulação entre os diversos agentes locais para apoiar o desenvolvimento local. A proposta é construir uma rede capaz de fortalecer a economia inclusiva, articulada por um conselho comunitário com representação dos três setores da sociedade – governo, iniciativa privada e terceiro setor.

 

Comentários