Aliança Empreendedora carregando
Blog
Aliança Empreendedora é agora fellow da Fundação Rockefeller

Aliança Empreendedora é agora fellow da Fundação Rockefeller

O fellowship consiste num programa de formação para líderes sociais globais, composta por módulos aplicados ao longo do ano em universidades de quatro países

A Aliança Empreendedora foi uma das organizações selecionadas para participar como fellow do Programa “Rockefeller Foundation Global Fellowship on Social Innovation” em 2015, uma iniciativa da Rockefeller Foundation com o objetivo de formar e capacitar líderes de organizações sociais que procuram transformar positivamente as comunidades em que estão inseridos. O processo de seleção é fechado e realizado apenas por indicação dos membros do Conselho da Rockefeller Foundation.

Na prática, o programa consiste em uma formação para o líder da organização, dividida em quatro módulos de uma semana. O curso é desenvolvido pelo Bertha Centre for Social Innovation and Entrepreneurship at University of Cape Town, tendo a participação do Centre for Global Studies at the University of Victoria, do Stockholm Resilience Centre at Stockholm University, e da Waterloo Institute for Social Innovation and Resilience at the University of Waterloo. As demais etapas do Programa serão realizadas ainda em 2015 nas seguintes cidades: Cidade do Cabo, na África do Sul; Bali, na Indonésia; e Nairóbi, no Quênia.

rockefeller

A diretora executiva e co-fundadora da Aliança Empreendedora, Lina Useche, participou da primeira etapa da capacitação entre os dias 18 e 22 de maio em Estocolmo, na Suécia, com outros 20 líderes de organizações selecionadas, como a USAID (United States Agency for International Development), o BRAC, e a Mercy Corps.

“Foi importante para entender o papel da Aliança no sistema o qual ela está inserida, e aprender novas formas de criar mudanças sistêmicas. Entender como tornar a organização resiliente em um contexto de mudança, e refletir sobre a melhor forma de cumprir a nossa Missão, de unir forças e viabilizar acessos para que pessoas e comunidades de baixa renda possam ser empreendedoras, promovendo a inclusão e o desenvolvimento econômico e social”, completa Lina.

Para saber mais, acesse a página do Programa.

Comentários